Benefício é voltado para pessoas de baixa renda. Desconto pode chegar a 65%. Entenda como participar

A Energisa Mato Grosso estima que pelo menos 100 mil famílias que poderiam ser beneficiadas pela Tarifa Social de Energia Elétrica, ainda não se inscreveram para ter o benefício. O programa é subsidiado pelo governo federal e oferta tarifas com descontos. Os beneficiados são:

– Inscritos no Cadastro Único (cadÚnico) para programas sociais do governo federal com renda mensal menor ou igual a meio salário-mínimo por pessoa

– Inscritos no cadÚnico com renda de até três salários-mínimos e que sejam portadores de doenças ou deficiência que necessite de tratamento continuado usando aparelhos que demandem do uso de energia elétrica. 

– Famílias indígenas ou quilombolas. 

– Famílias inscritas no Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC), ou seja, idosos com idade de 65 anos ou mais e deficientes, cuja renda mensal familiar per capita seja inferior a ¼ um quarto do salário-mínimo.

A inscrição deve ser feita presencialmente em uma agência da Energisa. Os interessados devem apresentar o Número de Identificação Social (NIS) atualizado, juntamente com o documento de identificação com foto e uma conta de energia elétrica. No caso de indígenas e quilombolas, é necessário o Registro Administrativo de Nascimento Indígena (RANI). A parcela de desconto varia de 10% a 65%, dependendo da faixa de consumo. Veja na tabela:

PARCELA DE CONSUMO MENSALPERCENTUAL DE DESCONTO
Menor ou igual a 30 kwh65%
Maior que 30 kwh e menor ou igual a 100 kwh40%
Maior que 100 kwh e menor ou igual a 220 kwh10%

Tá com conta de luz atrasada?  

Para apoiar famílias com conta de luz atrasada, a Energisa Mato Grosso criou um plano de negociação. O parcelamento de dívidas é válido para todos os clientes, entre residenciais, rurais, Comerciais e Industriais. Para participar, é preciso ter em mãos os documentos pessoais (CPF e RG). Contas com mais de 180 dias em atraso que forem pagas à vista podem ter descontos de até 40% no valor final. Quem não puder pagar à vista, é possível parcelar o valor negociado no cartão de crédito em até 12 vezes ou na fatura de energia. Já os clientes com débitos de até 180 dias podem parcelar o valor negociado no cartão de crédito em 12 vezes ou na fatura de energia. Os clientes podem optar por um dos canais digitais disponíveis de sua preferência. Para negociar pela GISA, assistente virtual disponível 24 horas por dia pelo WhatsApp, é só escrever a palavra ’Parcelamento’ e dar início à conversa. 

WhatsApp (Gisa): (65) 9999-7974

Aplicativo Energisa On (disponível no Google Play ou App Store do celular)

Site: energisa.com.br  

Call Center: 0800-646-4196